Servidores da Prefeitura de Cachoeirinha auxiliarão nas demandas da Granpal

Os colaboradores do poder Executivo de Cachoeirinha, da Procuradoria Jurídica e do Controle Interno, ajudarão nas eventuais demandas da Associação e do Consórcio Metropolitano de Porto Alegre (Granpal). O diretor-executivo da instituição, José Luis Barbosa, articulou a aproximação estratégica em audiências na última terça-feira (07). O Município é administrado pelo prefeito Miki Breier (PSB), atual presidente da entidade municipalista.

Na agenda com o procurador-geral da Prefeitura, Emiliano Cláudio Fragoso Macedo, ficou estabelecido que o advogado dará suporte jurídico aos gestores da Granpal. Emiliano vai acompanhar e colaborar em despachos, pareceres, petições, respostas aos órgãos de fiscalização e controle, bem como nas lides judiciais em que a Granpal for parte citada.

O quadro da Associação ainda foi recebido pelos técnicos do setor de Controle Interno da municipalidade. Após a apresentação das peculiaridades e dos procedimentos da gestão local, ficou alinhado uma imersão do grupo de auditores municipais à sede da entidade na próxima semana. A equipe é composta pelos contadores Telmo Maracci Jr. e Marcos da Encarnação Magalhães, além do advogado Carlos Eduardo Rodrigues.

Também contribuíram nas reuniões de planejamento a advogada Arethusa da Rosa e a contadora Jocelaine Lima, integrantes do quadro da Associação.

 

Equipe da Granpal com o procurador-jurídico de Cachoeirinha, Emiliano Cláudio Fragoso Macedo

 

Ajuda bem-vinda

Historicamente, os presidentes ofertam suas equipes de Controle Interno para fiscalizar e orientar os colaboradores da Granpal. Na gestão anterior, a tarefa coube aos servidores de Viamão. Dispostos a cooperar, os municipários passam tranquilidade e confiança à equipe da Associação. “Essa construção de muitas mãos nos empresta mais segurança para fazer gestão com responsabilidade, capaz de potencializar entregas”, enfatiza o diretor-executivo José Luis Barbosa.




ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Clique e saiba mais.