Municípios da Granpal irão auxiliar na limpeza de Porto Alegre após tempestade

Os prefeitos das cidades que integram a Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Porto Alegre (Granpal) afirmaram nessa terça-feira (2/2) o apoio à Capital na limpeza após os temporais da última semana. O presidente da Granpal e prefeito de Gravataí, Marco Alba, garantiu ao prefeito em exercício Sebastião Melo que os municípios da Região Metropolitana solidarizam-se com a situação enfrentada após o temporal e irão colocar-se à disposição para auxiliar a capital.

 

“Queremos colaborar de forma efetiva com Porto Alegre no trabalho de limpeza e recolhimento de galhos e entulhos após o temporal da última semana. Os municípios colocarão operadores, caminhões e máquinas para o auxílio das equipes que já estão trabalhando”, destacou Marco Alba. O prefeito de Gravataí ressaltou que, assim como Esteio, Canoas e outras cidades da Granpal, o município colocará motosserras e equipes compostas por até três operadores à disposição. Estima-se que os trabalhos mais intensos levem, pelo menos, dez dias para apresentar resultados volumosos.

 

Já o prefeito em exercício de Porto Alegre, Sebastião Melo, agradeceu “a solidariedade dos municípios e destacou que a iniciativa é fundamental”. Melo ressaltou que, desde o último domingo, mais de 300 trabalhadores foram colocados nas ruas para realizar o recolhimento de galhos e entulhos de ruas e parques. Diariamente, mais de 460 toneladas de entulhos têm sido recolhidas das ruas de Porto Alegre.

 

O supervisor da Secretaria de Meio Ambiente (Smam) da Capital, Léo Bulling, explicou que foram registrados ventos de 119 km/h, mas que estima-se que tenham ultrapassado os 130 km/h, classificando o fenômeno como uma tempestade. Segundo Bulling, além de bairros centrais, os parques Harmonia e Marinha do Brasil foram muito afetados. O diretor-adjunto do DMLU, Vericidino Albarello, ressaltou que o município precisa principalmente de motosserras e operadores, além de alimentação para equipes e voluntários que estão trabalhando em Porto Alegre.

 

Os trabalhadores disponibilizados pelos municípios iniciarão os trabalhos imediatamente na Capital.

 

Participaram do encontro os prefeitos de Alvorada, Professor Serginho; Esteio, Gilmar Rinaldi; Sapucaia do Sul, Vilmar Ballin; os vices de Guaíba, Rogério Souza e de Cachoeirinha, Gilso Nunes; o representante da prefeitura de Porto Alegre, Gil Almeida, além de servidores de Canoas e Esteio.




ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Clique e saiba mais.